prato de alemao (1)
06
out
2013

Prato Alemão

Esta é uma receita encaminhada por uma leitora seguidora.
Ainda não experimentei, mas com certeza eu farei.
Tenho só é que tirar um tempinho para elaborar.
Mas, que a receita me pareceu boa isso é isso me inspira.

INGREDIENTES DA COSTELINHA:

400 g de costelinha de porco cortadas em pedaços
02 cebolas picadas
06 dentes de alho picados
02 limões (caldo) de preferência limão china (também conhecido como limão rosa)
Óleo (uma pequena quantidade)
Cheiro verde a gosto
02 pimentas bode ou pimenta de cheiro
Cheiro verde à gosto
Sal a gosto
E uma receita de pão caseiro (faça aquela que você tenha costume e enrole em bolinhas do tamanho de um ovo e deixe crescer um pouquinho)

INGREDIENTES PARA O CHUCRUTE:

01 repolho médio lavado e picado finamente
300 ml de vinagre de vinho tinto ou branco
300 ml de água
02 gengibres sem casca e ralados
03 colheres (sopa) de aginomoto
03 colheres (sopa) de açúcar
Azeite a gosto
Pimenta a gosto

MODO DE FAZER O CHUCRUTE:

Misture todos os ingredientes para o chucrute e deixe fermentar para o preparo deste prato só no dia seguinte
Caso prefira compre o chucrute em conserva

MODO DE FAZER A COSTELINHA:

Coloque em uma panela a costelinha de porco picada, o alho picado, sal, o limão e a pimenta bode e deixe pegar os temperos por aproximadamente meia hora.
O cálculo do sal normalmente é uma colher (de sopa bem rasa) para cada quilo de carne.
Leve ao fogo mexendo de vez em quando até corar (fica bem fritinha a carne de porco).
Quando estiver corada, acrescente a cebola e deixe refogar, e depois vá colocando pequenas quantidades de água (como uma xícara de café).
Quando a carne estiver bem macia e sequinha sem caldo algum (escorra o excesso de gordura se tiver muita).
Depois de bem fritinha e cozida a carne de porco, verifique o tempero, e se necessário coloque mais um pouquinho de sal e junte um pouco de água para formar um caldo.

PARA FINALIZAÇÃO DO PRATO:

Na mesma panela onde foi feita a costelinha, misture o chucrute com a carne de porco.
Arrumar delicadamente as bolinhas de massa de pão sobre a mistura na mesma panela, deixando um espaço entre as bolinhas para que cresçam.
Tampe a panela, baixe o fogo e marque 20 (vinte) minutos sem abrir a panela.
As bolas de massa de pão vão cozinhando no vapor e pegam o sabor da carne de porco com o repolho. A massa deste pão ficará mais úmida e fofa.

prato de alemao 1 (1)

Bom apetite !!

12 comentários

  1. lucimeri santos pinto 21 de janeiro de 2015 at 15:19 #

    faz muito tempo que eu estava procurando essa receita agora vou me deliciar com ela

    • Paula 25 de janeiro de 2015 at 9:54 #

      Que bom que encontrou a receita Lucimeri. Minha vizinha que me passou. Ela, me disse que é sucesso sempre na casa dela. Que seja um sucesso sempre ai na sua casa também.
      Obrigada pela participação!!

  2. Soeli 25 de janeiro de 2015 at 17:39 #

    Sempre faço, é uma receita da família da minha mãe, minha filha e meus netos adoram…nosso prato favorito….

    • Paula 25 de janeiro de 2015 at 22:04 #

      Legal Soeli!!
      Obrigada pela visita aqui no site. E caso queira compartilhar alguma receita aqui, será um prazer compartilhar.

      Tenha uma ótima semana.

  3. Nilson 14 de julho de 2015 at 22:53 #

    Qual é o nome deste prato?

    • Paula 19 de julho de 2015 at 21:24 #

      Oi Nilson eu ainda não descobri o nome deste prato.

    • Helem 14 de março de 2016 at 15:16 #

      Minha mãe chama de “Créca” rsrsrs. Mas não sei se esse é o nome.

  4. Neiva 27 de agosto de 2015 at 19:51 #

    Eu conheço este prato como Kreka. Costumo fazer e sempre faz muito sucesso.

  5. Daniel 29 de agosto de 2015 at 21:12 #

    SE chama Knödel ou Kloß (plural: Klöße) é uma bola de massa servida como refeição principal ou acompanhamento nas gastronomias da Áustria, Alemanha, Suíça e Boêmia.
    Na Hungria, eles são chamados gombóc, na República Checa knedlík, em Luxemburgo Kniddel (en) e em Itália canederli.

    • Paula 4 de outubro de 2015 at 21:24 #

      Nossa muito obrigada mesmo pela informação.
      Vou já avisar a amiga que me passou a receita.

  6. maria isabel 27 de fevereiro de 2016 at 9:45 #

    Paula, favor me explicar sobre as bolinhas de pão, fiquei confusa.

    Desde ja agradeço e um forte abraço

  7. Karine Eloi kuhn vozniak 21 de abril de 2019 at 21:32 #

    Essa é uma receita passada pela família de minha avó paterna que era descendente de alemães, nos fomos encima dos a chamar de Klaus Tanub, mas não sei se é o nome correto.

Deixe seu comentário

*